(1 vote)



Despertar no fim do dia
Colher as flores mortas do jardim
Olhar você dormindo
Respirando o cheiro de sangue
Das paredes do quarto
Digerir os sonhos
Alimentar seu desejo
É tudo que faço
Adorar você
Banhar seu corpo
Com lágrimas pretas
Que eu peguei das ruínas
Do teu coração
E todo o sangue
Da minha boca
Pra tua
E de minha língua pra teu sexo
Até que você fique exausto
E volte a dormir...

Comentários  

-1 #1 RE: Volte a Dormirthe ^..^Osmar 23-02-2011 20:55
Oi, Agnes... e ele voltará a acordar...rs... Lendo esdte poema, tive uma sensação setranha, meio que ligada à eternidade entre quatro paredes, algo meio que sufocante e, ao mesmo tempo, libertador. 1 beijo do amigo,

the ^..^ Osmar
Citar

Poesias do Porão - Poesias

Banner
Facebook Page: estronhobook Twitter: estronho YouTube: EditoraEstronho
Nós temos 17 visitantes online