(0 votes)

O Império Malkin descobriu casualmente a Terra em 08 de julho de 1947. Ficaram encantados com a produção artística humana, entretanto horrorizaram-se com nosso comportamento. Estudaram-nos secretamente durante sessenta e dois anos. Uma década atrás, as espaçonaves de sua frota de ataque desceram sobre nós.

Quando me capturaram, nas ruínas de Riyadh, Arábia Saudita, os alienígenas tocavam o “Bolero” de Ravel. Não via qualquer ser humano há dias. O intérprete, um extraterrestre de voz zombeteira, me explicou que todos os outros haviam sido exterminados e eu seria mantido como lembrança.
Os malkinianos estão tocando o “Bolero” novamente. Eles adoram. E, na caixa de vidro suspensa, eu, Coronel Giorgio Capelli, nascido em Turim, Itália, que liderei a última resistência da humanidade, me sento e choro.


FIM
Dedicado ao escritor e ilustrador Giorgio Capelli
 
 

Contos Estronhos - Contos e Crônicas

Banner
Facebook Page: estronhobook Twitter: estronho YouTube: EditoraEstronho
Nós temos 107 visitantes online